Blog de Farley Rocha

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

...

Cachoeiras
   
Desce a encosta
Sobre as costas e costelas
Das pedras e pedreiras
Limadas a milênios
Pelo rio antigo
Fiapo rolador
De tempo

O rio que cria o limo
A lama e o lodo sobre as pedras
Alimenta algas, girinos e cambervas
E a pesca de cascudo
Do matuto sonhador

Correnteza fria arrasta folhas
E sementes
Remansos quentes refletindo a luz
Do dia
Canção molhada entoada
Nas ribeiras e cascatas

Cachoeiras

* * *
(Cachoeira Vale a Pena - São Domingos - Espera Feliz/MG)

2 comentários:

Tia Rita disse...

Gosto da forma como vc escreve, Se fosse escritora com certeza escreveria coisas assim, lindas de serem lidas, mas minha caneta é um pincel, tento pintar coisas lindas de serem vistas.Gosto de ler suas palavras...

Nicole Rodrigues disse...

Fiapo rolador de tempo :)

Tudo bem pelas bandas daí caríssimo?